Receba postagens também por email.

quarta-feira, 2 de junho de 2010

Identidade

Objetivos:

Fazer com que o aluno se perceba indivíduo único dentro de um contexto coletivo e quanto suas preferências individuais, características físicas e psicológicas o diferem dos outros;

Levar a criança a perceber a importância da família na construção de sua identidade com a colaboração de sua educação e transmissão de costumes;

Proporcionar à criança a identificação e valorização de suas características naturais contribuindo para a elevação de sua auto-estima.

Conteúdos:

História de vida;

Constituição familiar;

Documentos pessoais;

Indícios da própria história.

Sequência:

Leitura do livro: Diversidade (Tatiana Belinky);

Brincadeira: “Quem sou eu?[1]

Ficha de preferência: cada dupla irá entrevistar a outra e registrar as preferências desta por meio de desenho. A ficha terá as seguintes perguntas: comida preferida, brincadeira preferida, cor preferida, melhor amigo;

Pesquisa para casa: quem escolheu meu nome e por quê?

Solicitar das famílias que mostrem a certidão de nascimento às crianças e coletem algumas informações que serão utilizadas em sala (fazer um trabalho de análise com a turma sobre a importância do documento e informações contidas nele – nome, data e hora de nasc. da criança, nome e sobre nome dos pais – lembrar que nosso nome tem os nomes dos nossos pais, etc);

Trazer objetos de quando eram bebês para organizar uma exposição na sala e apresentar aos colegas;

Brincadeira: “Todos gostam de mim[2]

Desenho “Como sou?’ – auto-retrato (apenas busto)

o Nesta atividade é importante trazer imagens de auto-retratos de artistas famosos para as crianças verem;

o Utilizar espelho para a elaboração do auto-retrato;

o Expor os trabalhos no corredor da sala para que os pais possam apreciar o trabalho.



[1] A brincadeira se estrutura como numa roda de conversa. Um participante inicia a brincadeira como se fosse uma batata quente, quando a “batata” parar a criança deve dizer: SOU ______, TENHO _____ ANOS, GOSTO QUANDO _________, DETESTO QUANDO___________. Depois disto, passa-se a continuação da brincadeira. Se a batata parar em alguém que já falou, esta criança escolhe outra para se apresentar.

[2] Brincadeira semelhante à “Coelhinho sai da toca”, porém, quem fica sem toca deve dizer... “TODOS GOSTAM DE MIM PORQUE... (sou alegre, sorridente, bonita, amiga, vaidosa, bondosa, chorona, brava, etc)”. Neste momento, todos que acharem ter a qualidade apresentada, trocam de lugar e quem ficou sem toca recomeça a brincadeira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário